sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Desejável Mundo Novo disponível para download!


http://e76b637.leadlovers.com/capture
Ilustração da capa: Claude Giordano

Licença Creative Commons
Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Desejável Mundo Novo nos permite sentir o que seriam estilos de vida sustentáveis, diversos e criativos, em capítulos organizados em temas da vida cotidiana que “re-inventam” a economia, a política, as cidades, o cuidar, a educação e as relações.
A ficção evidencia que soluções possíveis surgem quando trabalhamos com recursos nas quatro dimensões da sustentabilidade, gerando abundância e 4 Economias em Fluxo: na Dimensão Cultural, a Economia Criativa e seus recursos intangíveis como cultura, conhecimento, criatividade, experiência; na Dimensão Ambiental, a Economia Compartilhada, com sua infraestrutura acessível e sustentável, a partir do compartilhamento de espaços, equipamentos, materiais; na Dimensão Social, a Economia Colaborativa, com a sociedade organizada em infindas formas de colaboração e interação; e, finalmente, na Dimensão Financeira, a Economia Multimoedas, chave para que tudo isso seja possível, ampliando a noção de riqueza para uma visão multidimensional, com patrimônios e resultados não apenas na dimensão financeira, mas também nas dimensões ambiental, social e cultural.
A hipótese que defendemos em Crie Futuros é que nossos sonhos fertilizam o amanhã. Por isso, nos dedicamos a criar e semear futuros positivos, que possam inspirar o desejo de concretizá-los. Ou mesmo que possa motivar mais e mais pessoas a criar seu futuro, inspirar lideranças na tomada de decisão e apontar oportunidades. E, sobretudo, suscite a pergunta: Por que não?

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Hércules + uma das 100 Mulheres que estão Co-Criando a Sociedade Colaborativa


Compartilho a capa da Yoga Journal Brasil, lembrando que na segunda-feira, 15/09, inicio um novo curso que pela primeira vez integrará os vários aspectos de minhas atividades. A jornada transformadora de Hércules será o nosso ponto de partida para combinar mitologia + linguagens artísticas a elementos de estudos de futuro + economia criativa. Assim, cada um de nós passará por um processo de transformação pessoal ao mesmo tempo em que identifica oportunidades profissionais e ferramentas para concretizá-las.

A pesquisa sobre Hércules é fruto de uma Bolsa prêmio concedida pela Fundação Vitae (1990-1992) e depois aplicada em workshops e palestras ao longo dos anos 90. Agora se atualiza e amplia com a combinação com estudos de futuro, economia criativa e processos colaborativos em rede. Além das aulas, teremos momentos de "Palpitaria", para consultoria e co-criação do grupo sobre os empreendimentos de cada participante. 

A revista Yoga Journal com matéria suuuuuper bacana sobre Economia Criativa e Prosperidade 4D está disponível nas principais bancas e livrarias. E, todas as informações sobre este novo curso na Una Yoga estão no link: http://unayoga.com.br/eventos/12-trabalhos-do-heroi-do-seculo-xxi-com-lala-deheinzelin-7-encontros/

Compartilhe com quem possa interessar, pois este curso será único! O primeiro encontro será aberto a todos que quiserem participar para então decidirem se ingressam na jornada. A Una Yoga  está localizada em São Paulo, na Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 2420 - Jardim América. Dúvidas? Ligue no 3813-0086. 

Aproveito para contar que recentemente tive a honra e alegria de ser indicada pela P2P Foundation (principal organização global que trabalha com Economia e Sociedades Colaborativas, como uma das 100 mulheres que estão Co-criando a Sociedade Colaborativa, na muito especial categoria de "Pioneiras e Defensoras nos Negócios e Economia Ética". Veja mais aqui: http://p2pfoundation.net/100_Women_Who_Are_Co-Creating_the_P2P_Society#Ethical_Business_Pioneers_.26_Ethical_Economics_Advocates.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Desejável Mundo Novo na Coréia do Sul

Olha só que legal nosso fruto se espalhando pelo mundo! 

Desejável Mundo Novo foi publicado na Coréia do Sul, pela agenda 21 local e distribuído para ONGs, cooperativas etc, enfim, todo mundo que trabalha com sustentabilidade.

Ficamos muito felizes, pois a Coréia do Sul é uma referência em inovações para a sustentabilidade! 


Para baixar a versão em coreano, clique aqui. Para as versões em português/ inglês, clique aqui

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Mais Desejável Mundo Novo, programetes e performance com Lala Deheinzelin

Queridos, Desejável Mundo Novo está dando filhotes! Estou com saudades de TV e junto com Gui Neves estamos fazendo programetes de webTV, que estarão em nossos sites, páginas e canais YouTube toda quarta feira às 12 horas.

Dia 14 de maio, das 16h30 às 19 horas, vamos fazer o pré-lançamento deles lá na Laboriosa 89


Momento raro pede atividades raras: vou fazer performance !!!
Serei a narradora do futuro contando como foi que o mundo mudou (ueba!!) para o Desejável Mundo Novo da segunda metade do século XXI. E será interativo: vocês vão perguntando sobre os vários aspectos da vida no futuro e vou respondendo...

Claro que este mundo do futuro é desejável pois está baseado em Economia Criativa e Colaborativa... Outras economias, formas de governos, jeitos de morar e se relacionar, usos da cidade, educação etc, etc.

Há uma contribuição de R$ 30, 00 para o espaço e as despesas do Gui neste dia. 

Abraços, por favor compartilhem e chamem outros. Nos vemos lá!

terça-feira, 2 de julho de 2013

MUDAR O MUNDO É POSSÍVEL. QUE LEGAL.

Eis aqui uma pequena contribuição (mezzo prática, mezzo poética) do ponto de vista de economia criativa e redes, de porque é sim possível (e desejável) mudar o mundo. Texto foi feito para o lançamento do (Incrível!!!) livro Holoplex de Fábio Novo.
 
MUDAR O MUNDO É POSSÍVEL. QUE LEGAL.
O que me intrigava quando era criança, e segue me intrigando hoje que sou futurista, é: “Porque não mudamos o mundo?”. Creio que a primeira razão é por falta de vontade. Nosso desejo não está nisso. Aliás, em geral ele está seqüestrado por alguma bobagem da mídia ou publicidade de massa. Não temos vontade também porque os futuros que nos são apresentados são geralmente tenebrosos. Então, criar futuros desejáveis é fundamental para que nosso tesão e desejo, pessoal e coletivo, tenham onde se inspirar e canalizar. Basta olhar as imagens do passado do futuro para ver que o que existe hoje foi antes sonhado. Sonhos bons ou ruins são sementes de futuro. Depois, penso que não mudamos o mundo pois achamos que é impossível. Será?
 

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Oba! A entrevista para o especial "Economia Criativa" da série televisiva "Conceito & Ação", exibido em setembro de 2012, já está na rede para multiplicar!